Logotipo horizontal Crux Marketing

Mídias sociais: dicas para tornar seu conteúdo mais atrativo

Tempo de leitura: 4 minutos
Midias sociais

Gerenciar mídias sociais pode ser um desafio quando você não sabe o que compartilhar, não é mesmo? O uso correto desses canais precisa ser uma ferramenta de geração de resultados, e um bom conteúdo é a única coisa capaz de conquistar isso.

Um grande erro cometido por diversos profissionais liberais e autônomos é tratar as mídias sociais como um portfólio. Porém, publicar somente fotos daquilo que você oferece como produto ou serviço não configura uma estratégia de marketing. É preciso aprimorar seus posts agora mesmo.

Quer entender então o que você deve incluir nas suas publicações online? Vamos lá!

Fotografias atrativas e de qualidade

Se coloque no lugar de um seguidor que ainda não conhece o seu trabalho. Você seguiria um perfil em mídias sociais que servisse apenas como vitrine, exclusivamente com fotos dos trabalhos realizados? Ou com fotos de baixa qualidade? Dificilmente.

Isso acontece porque o conteúdo fica repetitivo e desinteressante. Se o perfil não acrescenta nada para você, não há motivos para segui-lo.

É sim importante importante compartilhar esses registros, não se engane. Porém, mais importante ainda é apresentar também fotografias conceituais que chamem a atenção e gerem identificação e conexão com as pessoas que você quer atrair para a sua página. E, claro, textos que condizem com elas.

Dicas para mandar bem nas redes sociais

E o que seriam essas fotos conceituais? No caso, se tratam de imagens com elementos que demonstrem abertamente quais são os valores e a personalidade por trás daquela marca. Elas serão utilizadas para chamar a atenção. Um bom exemplo seriam fotografias de pessoas realizando gestos expressivos, como levantar o dedo ou arquear as sobrancelhas. Outra opção seriam objetos que transmitem um significado abstrato relacionado aos valores que sua marca e os seguidores têm em comum, como uma lâmpada acesa, ou uma peça de jogo de xadrez.

Para desenvolver ideias como essas que sejam pertinentes para o seu perfil, pense que você está prestando um serviço o qual acreditou ser necessário para as pessoas. Se aprofunde nas razões e sentidos que te levaram a isso. Por meio desses conceitos, você pode fazer com que potenciais seguidores e clientes cheguem a essa mesma conclusão de forma orgânica.

Imagens informativas e educativas

Seu próximo desafio para seguir na via que levará ao alcance de resultados é entender que você precisa se tornar uma fonte de informações autêntica e confiável para os seus seguidores. Afirmar ser o melhor, o maior ou compartilhar frases motivacionais clichés são atitudes que você deve evitar. Anúncios e informações rasas e superficiais como essas não têm lugar nas mídias sociais.

Isso acontece porque os usuários tendem a se conectar com as marcas que oferecem respostas às suas dúvidas ou dores. Ou seja, uma proposta de conversa mais humanizada, particularizada e próxima são muito mais passíveis de cativar os seguidores.

No livro “Marketing 4.0: Do tradicional ao digital” de Philip Kotler, Hermawan Kartajaya e Iwan Setiawan, afirmam que, antes, as pessoas buscavam validação das marcas ouvindo autoridades e especialistas. Porém, hoje, pesquisas recentes mostram que a maioria dos consumidores acredita mais no fator social (amigos, família, seguidores das redes sociais) do que nas comunicações de marketing.

Entenda a importância das redes sociais para sua estratégia de marketing

Se tornar parte dessas relações, e ganhar um respaldo deste fator social, só é alcançável por meio desse diálogo pessoalizado. Para isso, invista então em imagens que entreguem informações, novidades e questões em geral que sejam do interesse dos seguidores. Aposte em imagens como infográficos, vídeos curtos e outros formatos semelhantes.

Há ainda um outro aspecto importante citado no “Marketing 4.0” que torna necessário investir nesses conteúdos. É o fato de o novo perfil consumidor hoje ser de pessoas constantemente conectadas, mas, principalmente, distraídas.

Infográficos e vídeos esteticamente atrativos tem um maior potencial de se destacar entre a grande quantidade de imagens que as pessoas já estão acostumadas a ver (e ignorar) diariamente. Ou seja, tanto essas imagens educativas quando as conceituais citadas anteriormente precisam funcionar como uma isca para que os seguidores direcionem a atenção para o seu perfil nas mídias sociais.

Conteúdos que conversem com o público

De acordo com uma análise de Nicola T., editora do Fantástico Mundo RP, empresas como a Netflix acertam ao determinar a voz da marca em uma rede social. Para ter esse êxito você também deve construir a forma ideal de conversar com seu público.

Nicola comenta que, no caso dessa empresa de streaming, ao interagir com seus clientes nas redes sociais ela assume uma personalidade próxima e autêntica, utilizando gírias e desabafos. Isso ajuda a humanizar a marca e faz com que as pessoas enxerguem-na como “gente como a gente”.

11 dicas para empresas que querem se promover na web

O aprendizado que você deve tirar disso é o fato de que que seus seguidores são pessoas, não números. Para conseguir números é indispensável ser verdadeiramente autêntico, e conhecer profundamente o ser com quem você estará se comunicando.

A dica é saber utilizar ferramentas do marketing de conteúdo para determinar essa voz e colocar em prática nas mídias sociais. Imagine, por exemplo, possuir um perfil semi-fictício do seu cliente ideal que fosse composto a partir dados reais? É possível ter essas informações e saber exatamente com quem você está falando se você utilizar a construção de uma persona para o seu perfil profissional.

Agora que você já entendeu as dicas primordiais para publicar conteúdo autêntico e estratégico nas mídias sociais, sem dúvidas vai você estará mais bem direcionado ao planejar suas publicações.

Quer continuar aprendendo sobre esse tema? Confira esse post sobre a definição de persona.

Compartilhe esse conteúdo!