Marketing Pessoal digital: como alavancar sua carreira?

Confira as principais ferramentas que poder ajudar sua estratégia de Marketing Pessoal digital a gerar mais resultados e fechar mais vendas de serviços.
Tempo de leitura: 9 minutos
marketing pessoal digital

Você é um profissional liberal ou autônomo e está encarando sozinho a tarefa de divulgar o seu trabalho e se promover? Profissionalizar a sua presença digital pode fazer total diferença e garantir mais oportunidades de venda de serviços e, assim, te ajudar a progredir em sua carreira. Porém, para ter sucesso com Marketing Pessoal digital é necessário saber usar seu know how, diferenciais e network ao seu favor, por meio das estratégias digitais corretas.

A transformação digital tomou conta de todos os mercados. Portanto, independentemente da sua área de atuação, é preciso muito mais do que um perfil empresarial no Facebook, no Instagram e no Linkedin para se destacar, conquistar mais clientes e ter sucesso no seu empreendimento.

Veja a seguir o que é Marketing Pessoal, como ele pode ser feito no ambiente digital e conheça as principais ferramentas de Marketing Digital que vão alavancar sua carreira.

O que é o Marketing Pessoal?

O Marketing Pessoal é uma estratégia que visa estabelecer uma boa imagem para uma pessoa a fim de alcançar objetivos comerciais. Significa compreender o profissional como um empreendimento, gerenciar sua imagem com ética e transparência e realizar ações de marketing para alcançar mais oportunidades de venda de seus serviços. 

Na prática, fazer Marketing Pessoal envolve divulgar a sua atuação profissional, se posicionar como autoridade em seu mercado e, ainda, influenciar e educar pessoas sobre aspectos mais específicos de seu trabalho. Para isso, atualmente, as principais ferramentas utilizadas são as digitais, como as mídias sociais, portfólios online, sites institucionais, etc.

O Marketing Pessoal pode ser utilizado por todo e qualquer profissional, seja ele um profissional liberal, autônomo ou até mesmo alguém que esteja em busca recolocação profissional. Entretanto, para aqueles que querer empreender vendendo sua própria imagem e serviços, ele se torna uma ferramenta essencial.

Por que investir em Marketing Pessoal?

“Quem não é visto não é lembrado”, já diz o ditado popular. O principal motivo pelo qual um profissional deve investir em Marketing Pessoal é o fato de que esta é a única maneira se de destacar hoje no mercado. Afinal, por mais especializado e experiente que você seja, e por mais customizados que sejam os seus serviços, não haverá chances de crescimento em sua carreira sem que o público que você deseja atingir tenha conhecimento dessas vantagens e diferenciais.

Como dissemos, o Marketing Pessoal digital é a forma mais atualizada para se promover hoje. É inegável que a internet é o meio pelo qual a grande maioria das pessoas busca soluções e serviços. Portanto, é neste lugar que você precisa estar presente e se destacar. 

Por mais saturado que o seu mercado de atuação possa se encontrar hoje, é investindo e profissionalizando as suas ações de Marketing Pessoal que você conseguirá atrair mais oportunidades de venda de seus serviços. As ferramentas de Marketing Digital são as melhores aliadas para este fim!

Ter presença digital é uma forma de: 

  • divulgar o seu trabalho;
  • promover a sua imagem; 
  • valorizar os seus diferencias;
  • alavancar sua carreira;
  • educar o mercado;
  • conquistar a confiança das pessoas; 
  • fidelizar clientes.

O que você deve saber antes de investir em Marketing Pessoal digital?

Você pode até estar pensando agora que investir em Marketing Pessoal digital significa “sair na frente” de seus concorrentes. Entretanto, vale lembrar que, quando se trata de profissionais liberais ou autônomos, as tendências de Marketing Digital têm apontado para um caminho um pouco menos agressivo e competitivo, neste sentido. 

O Marketing Pessoal digital é, de fato, uma forma de ressaltar, valorizar e até mesmo demonstrar os seus diferenciais enquanto um profissional. Entretanto, o comportamento do mercado hoje já não é mais focado em utilizar esses argumentos para a competição. A tendência tem sido a colaboração.

Fazer parcerias e construir projetos multidisciplinares é a nova forma de se movimentar e se mostrar no mercado. Principalmente em meio à pandemia de Novo Coronavírus, em que a necessidade de isolamento social estimulou que as pessoas se conectassem por meio da internet. Em um cenário no qual a transformação digital já estava se estabelecendo com muita força, e de maneira definitiva, não poderia ser diferente, não é mesmo?

Perceba quantos profissionais liberais passaram a educar seu público, compartilhando mais sobre seus processos, tanto por meio de vídeos e cursos gratuitos, quanto por meio de mentorias. Além de compartilharem suas vivências e conhecimento com o público, eles também têm se dedicado a trazer para o seu perfil em redes sociais convidados que atuam em sua mesma área, ou em áreas correlatas, e, por meio de lives e vídeos, promover uma troca rica de conhecimentos. 

Realizar parcerias com profissionais que fazem parte da sua network pode ser uma das maiores e mais importantes dicas para se ter em mente ao pensar em ações de Marketing Pessoal digital.

Além disso, cada profissional, mesmo que atue em um segmento competitivo, tem suas particularidades: características, valores, forma de trabalhar, diferenciais. Sendo assim, nem sempre a lógica da competição se aplica. O melhor é buscar e atrair potenciais clientes que estejam em sintonia com essas características. Cada panela tem a sua tampa!

Quais as melhores ferramentas de Marketing Digital para Marketing Pessoal?

Desenvolver uma marca 

Uma das primeiras coisas que foram apontadas neste conteúdo sobre Marketing Pessoal é que essa estratégia envolve tratar você, profissional, como um empreendimento. Quando se pensa em abrir uma empresa, a criação de sua identidade visual é uma prioridade e, no caso do Marketing Pessoal, não é diferente.

Embora a criação de uma identidade visual não seja exclusivamente uma ferramenta de Marketing Digital, ela é necessária e indispensável para a operacionalização de todas elas.

A identidade visual inclui: 

  • marca: é o design composto por nome e/ou símbolo, ou seja o logotipo que representa o empreendimento. Neste caso, pode se tratar até mesmo do seu próprio nome;
  • manual de identidade visual: é o conjunto de regras para o correto uso da identidade visual da marca nas mais diversas aplicações e pode conter exemplos de aplicações em artes digitais, materiais impressos, brindes (canecas, canetas, bloco de notas), fachada, etc.

Definir uma buyer persona

Para que uma estratégia de Marketing Digital realmente seja capaz de gerar mais oportunidade de vender serviços, é necessário conhecer com profundidade o seu público-alvo. Estabelecer uma persona é uma forma comprovadamente eficaz de entender a fundo as dores e demandas dessas pessoas. Quanto mais segmentado for o seu público, maiores são as chances de estabelecer estratégias eficazes para encontrá-lo, alcançá-lo, atraí-lo e, assim, alavancar a sua carreira como profissional empreendedor.

A buyer persona se relaciona diretamente com o conceito de público-alvo, mas não significa a mesma coisa:

  • Público-alvo: é a definição social, econômica e demográfica do público que a empresa pretende atender com suas soluções. 
  • Persona: é um perfil semi-fictício de uma pessoa (com nome, sobrenome, idade e demais características definidas de maneira específica) que representa o seu cliente ideal. 

Vamos considerar uma Coach Vocacional cujo trabalho foca em ajudar jovens a atingirem satisfação e realização pessoal. Para isso, ela os assessora no processo de escolha de um curso de graduação. Entenda a diferença entre os conceitos apontados acima por meio de exemplos:

  • Exemplo de público-alvo: Jovens entre 17 e 24 anos que estão prestes a se formar no Ensino Médio, ou se encontram insatisfeitos com a graduação que estão cursando, com renda familiar mensal acima de R$20 mil, moradores de Belo Horizonte.
  • Exemplo de Persona: Ana Clara Veiga tem 19 anos, é estudante e está no segundo semestre de um curso de graduação em uma faculdade particular em Belo Horizonte. Ela mora com os pais, é ativa, totalmente adepta à tecnologia, heavy user de redes sociais e está por dentro das novas séries que saem nas plataformas de streaming. Esses lazeres são sua principal válvula de escape para as frustrações com a faculdade e os estudos. Ana teve dificuldade de estabelecer um critério para escolher seu curso superior. Considerou se espelhar em seus pais e fazer o mesmo curso que eles, depois mudou de ideia, e pensou em fazer um curso conhecido pelo bom retorno financeiro. Repensou, “eu devia fazer algo que realmente goste”. Estava quase decidida a fazer um curso relacionado à sua disciplina favorita na escola, mas alguns aspectos específicos a fizeram desistir. Depois de muitas dúvidas, fez uma escolha. Agora que já ingressou na faculdade, se encontra frustrada, insatisfeita e não consegue enxergar seu futuro profissional com clareza na área escolhida. Já havia sido muito estressante e desgastante para ela lidar com o peso da primeiro escolha e de todo o processo do vestibular. Recomeçar um curso do zero seria uma enorme responsabilidade e ela não quer decepcionar os seus pais. Ela não sabe o que fazer sobre essa situação e só possui uma certeza: precisa de ajuda para estabelecer um caminho profissional que a fará feliz.

Perceba que, com a definição de persona, fica mais fácil entender o que o seu cliente ideal realmente precisa, como abordá-lo, que tipo de conteúdo vai interessá-lo, com que frequência enviar ou publicar conteúdo, que tipo de tom utilizar, em quais canais ele pode ser encontrado, etc. É uma forma de enxergar seu potencial cliente de forma mais humanizada e, consequentemente, adequar todos os aspectos das suas soluções e ações de marketing às necessidades e à realidade dele.

Desenvolva um site institucional qualificado

A depender da profissão, muitos profissionais empreendedores apostam em construir um portfólio online para apresentar seu trabalho e seus métodos. Porém, quando se trata de Marketing Pessoal, possuir um site institucional próprio, com a sua identidade visual aplicada, é uma excelente forma de customizar ao máximo esse portfólio e, mais ainda, de utilizá-lo como ferramenta para estratégias de Marketing Digital.

O Marketing Pessoal visa divulgar o seu trabalho e alavancar a sua carreira. Uma das melhores alternativas para isso hoje é desenvolver um site institucional com o uso correto de técnicas de SEO (Search Engine Optimization ou Otimização para Mecanismos de Busca). 

O SEO é um conjunto de práticas que permite que páginas do seu site conquistem as primeiras posições nos resultados orgânicos dos mecanismo de busca, como o Google. Ou seja, te coloca em destaque e permite que cada vez mais pessoas te encontrem e conheçam você e o seu trabalho. 

As práticas de SEO também tornam o seu site qualificado para gerar oportunidades de venda, estimulando usuários a converterem em leads. Leads são usuários que se tornam potenciais clientes após acessarem seu site ou redes sociais e deixarem seus dados em um formulário de conversão, assim demonstrando interesse eu seu trabalho. Com esses leads “em mãos”, você pode tomar diversas ações para que essas pessoas contratem/comprem seus serviços.

A Crux é uma agência de Marketing Digital completa e nossa equipe possui uma metodologia própria de desenvolvimento de sites. O nosso foco é ajudar você a melhorar sua presença digital e conquistar mais oportunidades de venda de serviços. Com isso em mente, desenvolvemos sites com base em boas práticas de SEO e utilizamos ferramentas do próprio Google para acompanhar e melhorar seu desempenho. 

Conhecer a metodologia de desenvolvimento de site institucional da Crux Marketing.

Produzir conteúdo autoral

A produção de conteúdo é uma das protagonistas no momento de estabelecer ações integradas de Marketing Digital. É também a melhor forma pelo qual você pode demonstrar seu know how sobre a sua área de atuação e se posicionar como uma autoridade em seu mercado. 

Ela pode ser realizada em diversos formatos (ebooks, postagens em redes sociais, infográficos, imagens, conteúdo audiovisual, etc). Porém, quando o objetivo é utilizar o conteúdo como parte de uma estratégia de Marketing Digital, alimentar um blog em um site institucional próprio é uma das principais ações necessárias para gerar mais oportunidades de vender serviços.

Leia nosso artigo sobre a importância de ter um blog para fins profissionais. As principais vantagens são:

  • Atração de leads: os conteúdos gerados informam e sanam dúvidas dos usuários, por isso ajudam a atraí-los até o seu site, onde eles serão estimulados a converterem em leads;
  • Construção de autoridade: conteúdos originais de qualidade transmitem confiabilidade e ajudam a te posicionar como autoridade aos olhos de potenciais clientes e outros profissionais da sua área;
  • SEO: os blogposts ajudam o seu site a possuir um leque maior de palavras-chave e isso é um fator para melhorar seu ranqueamento no google. Quanto mais suas páginas aparecem no topo dos resultados de busca orgânica, mais chances você tem de ser encontrado por usuários semelhantes à sua buyer persona.

Pode-se investir na produção de conteúdo como parte de estratégias de: 

  • Marketing de Conteúdo: práticas para que todos os seus canais de comunicação se mantenham integrados e direcionados por uma única estratégia, que é focada no conteúdo. Conhecer mais detalhes sobre o Marketing de Conteúdo.
  • Funil de Vendas: estratégia que prevê o comportamento dos potenciais clientes e visa estimular usuários a avançarem em sua Jornada de Compra, rumo a decisão de compra, por meio de conteúdo. Saiba mais sobre o Funil de Vendas

Presença estratégica nas redes sociais

As redes sociais são a ferramenta mais acessível para Marketing Pessoal digital. Além disso, são uma referência, já que, em muitos casos, são as primeiras plataformas em que as pessoas pesquisam para conhecer o trabalho de um profissional. Possuir um perfil com publicações feitas de maneira estratégica e profissionalizada pode fazer a diferença na impressão que você passa para potenciais clientes e para o mercado em geral. 

Trata-se de um espaço no qual conteúdos diversos podem ser abordados:

  • divulgação dos conteúdos publicados no seu blog profissional, como parte da estratégia de Marketing de Conteúdo;
  • pílulas de temas atemporais, por exemplo, curiosidades e explicações técnicas breves sobre o seu trabalho;
  • novidades que se relacionam com o seu trabalho, como o surgimento de uma nova ferramenta ou técnica;
  • divulgação de eventos e parcerias de que você fará parte ou irá participar, para exaltar seu comprometimento em colaborar e se atualizar sobre seu mercado;
  • publicações de tom institucional, para fortalecer seu nome enquanto uma marca e ressaltar seus diferenciais;
  • vídeos e fotos do seu dia a dia de trabalho, mostrando atendimentos, reuniões e a sua participação em eventos ligados ao seu trabalho. Essas são, inclusive, essenciais para humanizar a comunicação da sua marca.

Um plano de ações personalizado 

Como você viu, há diversas estratégias para Marketing Pessoal digital. Entretanto, é necessário ter know how aprofundado, conhecimento das diversas ferramentas e canais de marketing, bem como larga experiência em seu uso para elaborar um plano de ações. Por isso, é muito importante contar com suporte e consultoria especializadas em Marketing Digital.

A Crux Marketing é uma agência de Marketing Digital que se originou na consultoria em marketing. Nós acompanhamos todo o processo de Transformação Digital, os surgimentos das novas estratégias, ferramentas e canais de marketing. Desde de então, nos especializamos em atender empresas de serviços, incluindo profissionais liberais e autônomos, e acumulamos um rico capital intelectual. Com base em nossa experiência e expertise, oferecemos consultoria especializada em Marketing Digital. 

Precisa de assessoria para investir corretamente em Marketing Pessoal digital? Conte com a Crux!

Entrar em contato.

Compartilhe esse conteúdo!